Terminam nesta sexta-feira as inscrições para o 8º Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo

Inscricao_ButtonTerminam nesta sexta-feira, 04.out.2013 as inscrições para o 8ª Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo. Realizado de 12 a 15 de outubro na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ), o Congresso da Abraji acontecerá junto com outros dois grandes eventos internacionais de jornalismo: a 8ª Conferência Global de Jornalismo Investigativo, realizada pela Global Investigative Journalism Network(GIJN) e a 5ª Conferencia Latinoamericana de Periodismo de Investigación (COLPIN), do Instituto Prensa y Sociedad (IPYS).

Será a primeira vez, em oito anos, que a Conferência Global de Jornalismo Investigativo acontecerá no hemisfério Sul. Os inscritos estarão aptos a participar das três conferências, o que torna o Congresso deste ano muito maior. A previsão é de que o evento reúna mais de 1.200 pessoas em quatro dias. Serão cerca de 150 painéis e mini-cursos, quase 300 palestrantes e moderadores vindos de mais de 70 países.

Entre os palestrantes convidados estão Glen Greenwald, responsável por revelar o esquema de espionagem dos Estados Unidos em diversos países, inclusive o Brasil; Caco Barcellos e José Hamilton Ribeiro em um encontro histórico de duas gerações da reportagem; e João Wainer, Bruno Torturra e Bruno Paes Manso em um painel sobre a cobertura dos protestos de junho e julho em São Paulo.

Estarão presentes ainda personalidades de grande importância nacional e internacional como o presidente do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa; o colunista do El País Juan Arias; Hannah Storm do International News Safety Institute (INSI); Audálio Dantas autor de “As Duas Guerras de Vlado Herzog”, obra em primeiro lugar na primeira fase do prêmio Jabuti deste ano; Mário Magalhães, autor de “Marighella: o guerrilheiro que incendiou o mundo”; Roberto Cabrini (SBT), Miriam Leitão (O Globo) entre outros.

Além dos seminários e workshops, o 8º Congresso de Jornalismo Investigativo entregará ainda três prêmios internacionais: o Global Shining Light Award, o Daniel Pearl Awards for Outstanding International Investigative Reporting e o Premio Latinoamericano de Periodismo de Investigación. A Abraji também fará sua homenagem ao jornalista Marcos Sá Corrêa em cerimônia no Theatro Municipal do Rio. Fotógrafo, repórter e editor, Corrêa foi pioneiro do jornalismo on-line no Brasil. Em 1975, usando documentos divulgados pela biblioteca Lyndon Johnson, nos EUA, revelou a colaboração da CIA com o golpe militar de 1964, por meio da Operação Tio Sam.

A programação completa tem ainda uma sessão especial do documentário Histórias de Arcanjo, no Estação Vivo Gávea (seg., 14/10, 10h30), e sessões de autógrafos com Daniela Arbex (que assinará o seu “Holocausto Brasileiro”) e o jornalista português José Manuel Diogo (“As Grandes Agências Secretas”) (dom., 13 de outubro, 15h30).

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *