Recepções e confraternizações

Além dos tradicionais painéis e cursos com grandes profissionais do jornalismo investigativo, o 8º Congresso da Abraji incluirá diversas atividades paralelas: estão planejadas sessões de autógrafos de dois livros, a exibição de um documentário, uma sessão solene de premiação e entrega de homenagem e também um coquetel e uma festa com música ao vivo.

No primeiro dia do evento, 12 de outubro, a ONG Global Integrity patrocina um coquetel de boas-vindas: os drinques serão servidos nos tradicionais pilotis da PUC do Rio de Janeiro (local onde será realizado todo o evento).

No domingo, 13 de outubro, estão sendo planejadas duas sessões de autógrafos: uma com a jornalista Daniela Arbex, autora da série de reportagens vencedora do Esso de 2012 sobre o passado repleto de maus tratos no Hospital Colônia de Barbacena durante os anos 50 e 60. O material deu origem ao livro campeão de vendas “O Holocausto Brasileiro”, que será vendido durante o Congresso. O jornalista português José Manuel Diogo também negocia uma sessão de autógrafos de seu livro “As Grandes Agências Secretas”, relato sobre os bastidores e os métodos de entidades como CIA, KGB e Mossad.

Na segunda-feira, 14 de outubro, a Abraji promove a exibição do documentário “Histórias de Arcanjo”, sobre a vida de Tim Lopes. O filme foi dirigido por Bruno Quintella, filho do jornalista, e foi classificado para a mostra competitiva do Festival do Rio de 2013. A exibição será no Estação Vivo Gávea (r. Marquês de São Vicente, 52 – Gávea). O ponto de encontro para ir caminhando ao cinema será nos pilotis da PUC às 10h30.

Neste mesmo dia 14 de outubro o Theatro Municipal abrirá as portas para receber a sessão solene do Congresso. A partir de 19h serão entregues os prêmios Colpin, Daniel Pearl e Shining Light. A Abraji prestará homenagem ao jornalista Marcos Sá Corrêa, veterano de coberturas históricas como a revelação do apoio da CIA ao golpe militar de 1964. A cerimônia terá a apresentações do músico Moacyr Luz e de crianças do AfroReggae. Após a sessão de homenagens, todos os participantes poderão se dirigir à choperia Brazooca, onde está sendo preparada uma festa com música ao vivo aberta a todos os participantes.

O 8º Congresso realizado pela Abraji será realizado de 12 a 15 de outubro na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ) junto com outros dois grandes eventos internacionais de jornalismo: a 8ª Conferência Global de Jornalismo Investigativo, realizada pela Global Investigative Journalism Network (GIJN) e a 5ª Conferencia Latinoamericana de Periodismo de Investigación (COLPIN), do Instituto Prensa y Sociedad (IPYS).

Entre os palestrantes confirmados estão Glenn Greenwald (The Guardian), o presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, Caco Barcellos (TV Globo), José Hamilton Ribeiro (TV Globo), Eduardo Faustini (TV Globo), Clóvis Rossi (Folha de S.Paulo), Juan Arias (El País), Hannah Storm, (INSI), Audálio Dantas (autor de “As Duas Guerras de Vlado Herzog”), Mário Magalhães (autor de “Marighella: o guerrilheiro que incendiou o mundo”), Roberto Cabrini (SBT), Miriam Leitão (O Globo), Rubens Valente (Folha de S.Paulo), Juca Kfouri (UOL/ESPN/Folha de S.Paulo), José Paulo Kupfer (O Estado de S.Paulo) e Eliane Brum, entre outros.